terça-feira, 9 de abril de 2013

Humor relviano

 
Vou ter saudades do Miguel Relvas, por ser o meu ministro e arquétipo de político asqueroso preferidos mas, principalmente, por causa das piadas do tipo "Miguel Relvas fez (uma coisa pequena) e teve equivalência a (uma coisa grande)".

Do tipo:

"Miguel Relvas foi de bicicleta para o trabalho e teve equivalência a cinco voltas à França"
 "Miguel Relvas comeu um Mon Chèri e teve equivalência a Zé Pedro dos Xutos"
"Miguel Relvas apertou a bochecha a um bebé e foi condenado por pedofilia"
"Miguel Relvas comeu uma sardinha e teve equivalência a Oceanário"
"Miguel Relvas levou com uma maçã na cabeça e teve equivalência a Prémio Nobel da Física"
"Miguel Relvas masturbou-se a pensar na Angelina Jolie e teve equivalência a Brad Pitt"
...

Isto para dizer algumas de que me lembrei agora sem grande esforço... RIP
Enviar um comentário